Escolha uma Página

AUTOESTIMA & AUTOACEITAÇÃO 

O que é Autoaceitação ?

Alguns dias parecem difíceis de desenvolver a Autoaceitação.  Em um dia ruim, quando erros acontecem, podemos ser nossos piores carrascos.  Felizmente, a auto-aceitação é algo que podemos nutrir. Olhe para isso como uma habilidade que você pode praticar e adquirir, no lugar de uma habilidade que você tem ou não.

Talvez nenhum problema seja mais importante para o bem-estar emocional do que nosso senso de si mesmo. Isto é especialmente verdadeiro nas culturas ocidentais que enfatizam autonomia e independência. Grande parte do campo da saúde mental parece ter a intenção de entender os problemas de autoimagem em termos de baixa autoestima.

Com certeza trabalhar desenvolver a Autoestima, que é uma avaliação de si mesmo, é importante mas devemos também desenvolver a autoaceitação para assim sairmos dos ciclos das comparações, que tanto afetam a Autoestima. 

Todos somos falíveis e com certeza não agradaremos e seremos amados por todos. Racionalmente preferimols estar em paz com que somos, mas inconscientemente buscamos aprovação integral. Esta busca é bastante autodestrutiva. Fere a autoimagem e a autoestima, dá um sentimento de inadequação. Nos sentimos melhor quando nos saímos bem nos desafios aos quais nos propomos e recebemos aprovação das pessoas que julgamos importantes como família, amigos, chefe ou professores. Os problemas acontecem quando escalamos objetivos saudáveis para demandas absolutas. A nossa sociedade nos induz a nos sentirmos inadequados perante os fracassos, que fazem parte da trajetória de sucesso de qualquer ser humano.

Desde criança fomos treinados a agradar e satisfazer outras pessoas para sermos amados, e somente depois de recebermos o amor de outra pessoa é que começamos a sentiro mesmo por nós. A Autoestima fica em um sobe-desce, baseada em avaliação e aprovação externa.

A Autoestima ( como de avalio ) , a Autoimagem ( a forma como me vejo ) e o amor próprio passam pela Autoaceitação, que segundo o PhD Jeffrey T Guterman “ajuda a reduzir a ansiedade, a culpa, a vergonha, a timidez, a evasão de situações sociais, a procrastinação e outras emoções e comportamentos autodestrutivos”.

Como desenvolver a Autoaceitação ?

É importante compreender que o sentimentos depende do que pensamos. Este é causador daquele. A autoaceitação está em oposição a autoavaliação, às comparações que fazemos para ver se a grama do vizinho é realmente mais verde. A autoaceitação significa significa não atribuir uma classificação global a si mesmo. É preciso muito trabalho, persistência e prática para mudar crenças e hábitos autodestrutivos, não é algo passivo, pelo contrário exige ação.

Aceitar-se é uma escolha consciente que traz diversos benefícios e vale a pena. Reconhecer as qualidades e se apropriar delas, assim como se perdoar,  parecer ser um caminho confiável para o desenvolvimento da Autoaceitação.

Mais Lidas

Sombra, para quê te quero ?

O Efeito Sombra  popularizou-se devido ao documentário e livro homônimos, este escrito por Debbie Brown, Deepak Chopra e Marianne Williamson, em 2010. Entretanto, o pai do conceito e do termo foi o psicanalista Carl Jung. O livro de Debbie Brown  traz o entendimento...

Marina Aniya é Coach membro ICC (International Coaching Community), Coach e Mentora ISOR – Holomentoring® , Master Practitioner PNL, Terapeuta Holística, Terapeuta Floral, Pós-Graduanda em Docência da Meditação, Graduanda em Filosofia. Estuda desenvolvimento pessoal há 10 anos e trabalha com Mulheres há 5 anos.