Escolha uma Página

Você sabe o que é Autoestima ?

Autoestima é como valorizamos a nós mesmas, é como nos vemos, é a capacidade de gostar de si e a forma como percebemos o nosso valor para o mundo e quão valioso é o que pensamos e o que somos para os outros, mas principalmente para nós mesmas. Temos níveis variáveis de Autoestima de acordo com a área e o papel desempenhado. Da mesma forma que temos mais ou menos aptidões em determinada esfera da vida, assim também funciona com a Autoestima. Por exemplo, pode ser que eu tenha um ótimo conceito sobre mim como profissional, mas não como dona de casa. Essas variações acontecem devido às experiências e crenças que adquirimos em cada área. O que importa é o valor final global, o autoconceito que tenho de mim como ser humano, como indivíduo, na soma de todos os papéis que desempenho.

Não se trata apenas de sentir-se bem e/ou feliz. Uma Autoestima saudável e positiva faz com que eu não aceite situações, pessoas ou relacionamentos abusivos, porque se você não se aprecia, não se trata com respeito, existe uma grande probabilidade de que você aceite a falta de respeito e apreço das pessoas com quem convive. Um grande erro, e infelizmente comum, é desejar que o outro eleve a visão que temos de nós mesmas, para que assim possamos nos sentir amadas e aceitas, receita certeira para relacionamentos fracassados e/ou desfuncionais.

Uma Autoestima saudável e positiva faz com que eu me trate com respeito, carinho e dignidade. Faz com que eu deseje o que é melhor para mim, e trabalhe por isto. Quando eu me aceito e reconheço o meu valor, eu não tenho problemas em dizer NÃO, porque se outro não compreende minhas vontades e valores, talvez realmente não precise ficar na minha vida. E eu fico ok com isso, pois não preciso da validação externa para me sentir bem e em paz comigo mesma.

Algumas pessoas pensam que Autoestima é amar-se e aceitar-se fisicamente, gostar e respeitar seu corpo. Sim, faz parte. Mas uma parte apenas. Tem a ver com enxergar de forma honesta todas as suas qualidades, valores, e potenciais, também enxergar e aceitar os defeitos e as falhas, e ficar bem com esta equação. É sentir-se bem na própria pele. É gostar da e apreciar a própria companhia, sem sentimentos narcisísticos ou de superioridade, apenas compreendendo que se é um ser único, nem melhor, nem pior.

Da mesma forma que o índice de Autoestima varia em diferentes áreas de autopercepção, também varia em diferentes épocas ou de acordo com as circunstâncias que enfrentamos em determinado momento. É normal variar. É humano. E compreender que em alguns dias você vai se achar a mosca do cocô do cavalo do bandido, também faz parte de aceitar-se e entender seus ciclos. Uma Autoestima global saudável permite que você seja gentil com você mesma até mesmo nestes momentos.

Gosto muito de uma definição de amor, que diz que amar é desejar o melhor ao outro, é desejar a felicidade. Para mim, Autoestima é bancar aquilo que te faz feliz, em profundo amor e respeito ao ser único que se é.

Leia também